Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

COMO LIDAR COM ROMPIMENTOS DE UMA FORMA SAUDÁVEL

Imagem
COMO LIDAR COM ROMPIMENTOS DE UMA FORMA SAUDÁVELLuiza Fletcher• 17 de agosto de 2015
1. Estejam próximos um do outro Quando você está com alguém, se torna uma parte dele. Quando você terminar com ele, aja como se ainda fosse parte dele. Em um sentido energético, ele realmente ainda é uma parte sua. Se for necessário fazê-lo, esteja lá para o outro, apoiem um ao outro, empreste um ouvido atento, e o dê-se a permissão de comunicar plenamente como se sente em todos os níveis.
Só porque vocês não estão mais em um relacionamento, não significa que são inimigos, não importa o quão terrível a outra pessoa foi para você ou o quanto te machucou. Seus pais e amigos vão te dizer “você precisa parar de se comunicar com ele”, ou “você precisa apenas seguir em frente e esquecer tudo”, mas no fundo você quer apoiá-lo com o seu desgosto e quer que ele te apoie com o seu desgosto. Isso pode significar conversarem por telefone, mensagens de texto, ou abraços.
Parece loucura? Mais louco é passar anos com…

CRIANÇAS AMADAS SE TORNAM ADULTOS QUE SABEM AMAR

Imagem
CRIANÇAS AMADAS SE TORNAM ADULTOS QUE SABEM AMAR“Nós somos seres emocionais que aprendemos a pensar, e não máquinas pensantes que aprendem a sentir.” – Stanislawski Bachrach

Nossas primeiras experiências com o mundo marcam o nosso desenvolvimento emocional. Na infância, uma rede que ligará o nosso corpo e mente será tecida, e determinará em grande parte o desenvolvimento da nossa capacidade de sentir e amar.
Neste sentido, o nosso crescimento emocional dependerá de nossas primeiras trocas emocionais, que nos ensinam o que ver e não ver no mundo emocional e social em que vivemos.
Assim, o campo da nossa infância nos permite semear as sementes do amor de forma natural, o que vai determinar que a capacidade de amarmos e ser amados cresça saudável e nos ajude a crescer.
Se alimentamos as crianças de amor, os medos vão morrer de fomeAmostras de amor e carinho elevam a autoestima em crianças e as ajudam a construir uma personalidade emocionalmente adaptada e inteligente. Ou seja, o nosso amor a…

"TU E EU SOMOS UM..."- MAHATMA GANHI

Imagem
"Tu e eu somos um. Não te posso magoar sem me ferir também a mim próprio."
Mahatma Gandhi

AS QUATRO FASES DA EXCITAÇÃO SEXUAL

Imagem
AS QUATRO FASES DA EXCITAÇÃO SEXUAL
O que acontece ao nosso corpo quando nos excitamos e depois quando atingimos o orgasmo Compreender o funcionamento do corpo humano em resposta à estimulação sexual é importante para nos sentirmos mais confortáveis em situações de excitação. A excitação sexual pode ser dividida em quatro fases, independentemente do género masculino ou feminino e o seu início dá-se no cérebro, respondendo este a estímulos visuais, a cheiros ou ao toque. O cérebro envia, depois, mensagens ao resto do corpo, particularmente à zona genital. Segundo Bram Broms, médico da clínica euroClinix, «esta fase é acompanhada pelo aumento dos batimentos cardíacos e da pressão arterial, levando no homem à ereção do pénis pelo preenchimento dos seus corpos cavernosos e na mulher à erecção dos mamilos, ao aumento da lubrificação no interior da vagina e ao entumecimento do clítoris». Na fase que se segue, conhecida como plateau, a excitação atinge o seu pico e o corpo tanto do homem como da …

ELE PASSOU DOIS ANOS CULTIVANDO FLORES PARA QUE SUA ESPOSA CEGA PUDESSE SENTIR O CHEIRO DELAS

Imagem
Ele passou dois anos cultivando flores para que sua esposa cega pudesse sentir o cheiro delasSpoiler: Muito amor envolvido!

O cotidiano da família japonesa Kuroki, sempre foi muito simples. Oriundos de família com tradições plenamente rurais, seguem vivendo em um sítio e há alguns anos, precisam conviver com o fato de que a senhora Kuroki ter ficado cega por conta de diabetes.
Com o intuito de melhorar e animar a vida da esposa, o senhor Kuroki passou dois anos de sua vida plantando flores para que ela pudesse sentir o cheiro delas. Isso deve-se ao fato de que sua esposa amava as flores rosas quando ainda enxergava.

O resultado de um esforço hercúleo e muito amor foi um jardim extraordinário, cheio de flores e que demonstra de forma fervorosa a paixão que há neste casal para lá simpático.

Que tenhamos mais exemplos de vida como este…





Fonte:http://misteriosdomundo.org/ele-passou-dois-anos-cultivando-flores-para-que-sua-esposa-cega-pudesse-sentir-o-cheiro-delas/




FRIGIDEZ FEMININA EXISTE ?

Imagem
O que é frigidez feminina? Denomina-se frigidez feminina a dificuldade ou incapacidade que podem ter certas mulheres de experimentarem a excitabilidade sexual ou orgasmo e qualquer forma de resposta sexual que lhes seja satisfatória. São mulheres das quais se diz serem “geladas”. Alguns autores preferem chamar a frigidez de “disfunção sexual feminina”, evitando assim o aspecto pejorativo que a antiga denominação veio a assumir, como “mulher assexuada” ou que “não gosta de sexo”. Embora a falta de “apetite sexual” possa ser diferenciada da incapacidade para obter orgasmos, ambas costumam ocorrer conjuntamente. Quais as causas da frigidez feminina (disfunção sexual feminina)? Causas físicas Em primeiro lugar, deve-se excluir doenças que afetam a vagina e o clitóris, como as infecções e os fatoresvasculares, circulatórios ou neurológicos. Fatores endócrinos como o aumento da prolactina nos períodos pós-parto ou nos tumores hipofisários e o hipotireoidismo também podem dificultar ou impedir a …

CASAIS QUE VIVEM JUNTOS MAS NÃO TÊM VIDA SEXUAL

Imagem
Casais que vivem juntos mas não têm vida sexualO número de casais que deixam de manter relações está aumentando
Os casais que vivem juntos, se dão bem, aparentemente não têm grandes problemas, mas estacionaram sua vida sexual – não se sabe muito bem por quê –, são cada dia mais numerosos. Segundo pesquisas de Robert Epstein, famoso psicólogo de San Diego e fundador e diretor do Centro Cambridge de Estudos do Comportamento em Beverly, Massachussetts, entre 10 e 20% dos casais nos Estados Unidos não fazem sexo, o que equivaleria a 40 milhões de pessoas. Acredita-se, além disso, que o número pode ser muito maior na realidade, já que muitos indivíduos se recusam a falar de sua vida sexual e muito menos reconhecem que carecem dela quando têm um parceiro. Para Epstein, um casal sem sexo é aquele que mantém menos de uma relação por mês ou menos de 10 por ano. Mas a verdade é que, após vários anos de convivência, não é difícil engrossar a lista de casais assexuados, ainda que exista bom relacio…

'AFTER SEX' : POR QUE DEPOIS É MAIS IMPORTANTE DO QUE PENSAMOS

Imagem
'After sex': Por que o depois é mais importante do que pensamosDescuidamos demais dessa parte pós-sexo nos centrando somente nas preliminares?O que fazer na fase do 'pillow talk': para começar, é preciso evitar o “questionário”
As preliminares e o ato sexual foram minuciosamente estudados pela ciência, os sexólogos e a literatura; entretanto, muito pouco foi dito sobre o comportamento pós-coito, com exceção do cinema que se encarregou de ressaltar, várias vezes, que a etiqueta exige fumar um cigarro, ainda que com a lei antifumo é possível que as coisas tenham mudado. Com tão poucas referências, vemos que, após dar por finalizado o corpo a corpo sem informação disponível a respeito, é preciso improvisar, voltar ao mundo real e enfrentar a dura verticalidade. Por isso, essa é uma das tarefas mais difíceis do sexo, uma matéria pendente que pode arruinar uma performance excelente na cama ou, pelo contrário, nos fazer esquecer de um rendimento médio-baixo, e reescrever o qu…